Foto: Karla Vieira / Semcom MANAUS.AM. 06-11-14 - MORADORES DO TUPÉ CONCLUEM CURSO DE CAPACITAÇÃO. FOTO. KARLA VIEIRA.SEMCOM. 43697

Mais de 120 certificados do Programa de Qualificação do Segmento Turístico, da Prefeitura de Manaus, foram entregues na manhã desta quinta-feira, 6, a moradores da Reserva de Desenvolvimento Sustentável (RDS) do Tupé. A solenidade aconteceu no Centro de Apoio ao Desenvolvimento Sustentável (CADS) e contou com a presença de representantes das seis comunidades que integram a RDS (São João, Agrovila, Livramento, Colônia Central, Tatu e Julião).

A secretária municipal de Meio Ambiente e Sustentabilidade, Kátia Schweickardt,  representou o prefeito Artur Virgilio Neto na solenidade, e destacou a importância do retorno de iniciativas como esta para a RDS do Tupé. O programa foi desenvolvido por meio de parceria entre a Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Sustentabilidade (Semmas), a Escola Municipal de Serviço Público (Espi) e a Fundação Municipal de Cultura Turismo e Eventos (Manauscult).

Foram oferecidos cinco cursos entre os meses de maio e novembro deste ano (Formatação de Roteiro Turístico, Aprendendo a Empreender, Manipulação de Alimentos e Bebidas, Elaboração e Apresentação de Cardápios e Monitor Ambiental). “A experiência nos permitiu avançar na capacitação dos moradores que trabalham no segmento do turismo. Estamos na única Reserva de Desenvolvimento Sustentável municipal da Amazônia, localizada na cidade de Manaus, que é a capital da Amazônia, e recuperando a autoestima dos moradores da reserva por meio da reorganização e agora, avançando com a capacitação, possibilitada por essa parceria entre Semmas, Espi e Manauscult”, explicou a secretária Kátia Schweickardt.

Novos cursos deverão ser oferecidos aos comunitários a partir de 2015, por meio da parceria entre os órgãos municipais. A diretora presidente da Espi, Luiza Maria Bessa, ressaltou a importância da integração das secretarias, na atual gestão, para o êxito de iniciativas de implantação de políticas públicas de capacitação. “Esta nova forma de trabalhar da administração municipal tem permitido essa integração e as secretarias entenderam o papel da Espi enquanto responsável pela capacitação não só dos mais de 30 mil servidores da Prefeitura de Manaus como também dos grupamentos de pessoas a ela relacionadas, a exemplo dos permissionários, feirantes, mototaxistas e, neste caso, os comunitários da RDS do Tupé, que trabalham com atendimento a visitantes e turistas”, afirmou.

A moradora da comunidade São João, Glória Araújo, se disse satisfeita com os ensinamentos recebidos durante os cursos. “Fiz os cinco cursos de qualificação e me considero agora melhor preparada para atender os turistas tanto na parte da receptividade, como na de alimentos. Foi um trabalho excelente feito para a comunidade e os moradores com certeza vão estar melhor preparados para receber os visitantes”, afirmou.  A professora Clarice de Castro Quinto, moradora da Colônia Central,  também participou dos cinco cursos. “Essa iniciativa foi uma renovação de experiências e novos conhecimentos, principalmente para nós que trabalhamos com a comunidade e somos multiplicadores de informações”, ressaltou.

Os instrutores dos cursos também foram homenageados com certificados de participação. O chef  Albermaya Figueiras Xábregas, que atuou como instrutor do curso Elaboração e Apresentação de Cardápios, enalteceu a iniciativa da Prefeitura de Manaus em levar a oportunidade de aprendizado não só para o Tupé mas para outras comunidades e segmentos da cidade. “Estar aqui durante os dias do curso foi encantador, desde o momento que saí da cidade e cheguei aqui. O que deixamos em conhecimento, tenho certeza de que não ficará só na mente, mas no coração de todos”, afirmou. Os certificados foram entregues aos formandos pelos instrutores. A solenidade contou com a apresentação da cantora Lucinha Cabral.


Equipe Viva Manaus

Comentários