Manauscult e Ancine divulgam resultado final do Edital Audiovisual 2016

Foto: Ingrid Anne / Manauscult Edital de Audiovisual 2016

A Fundação Municipal de Cultura, Turismo e Eventos (Manauscult) e a Agência Nacional do Cinema (Ancine) divulgaram o resultado final do Edital Nº 02/2016 – Concurso Prêmio Manaus de Audiovisual.

Dos 22 projetos avaliados, oito foram aprovados, sendo cinco contemplados com recursos do Fundo Setorial de Audiovisual (FSA), da Ancine, e um primeiro suplente da FSA, e dois contemplados pela Manauscult.

O resultado oficial foi publicado na edição 3971, do Diário Oficial do Município (DOM) da última sexta-feira, 16 e pode ser acessado pelo link: bit.ly/mao-audiovisual2016 .

“O audiovisual constitui um setor estratégico documental da cultura, de afirmação da identidade da sociedade. O fomento da Ancine que conseguimos capitalizar, por meio deste edital, é uma conquista inegável para a produção do segmento”, afirmou o diretor-presidente da Manauscult, Bernardo Monteiro de Paula.

Pela FSA, foram aprovados os seguintes projetos: “A Última Sessão”, telefilme, documentário da 602 Produções de Filmes Ltda; “Invisíveis”, telefilme, drama da Medeiros, Athayde e Cavalcante Produções Culturais (1º suplente FSA); “Mezanino”, curta-metragem, animação da Cambará Filmes; “O Bagre, a Menina e o Rio”, curta-metragem, ficção da D.E. Santos Barbosa ME; “Zana – A Filha da Mata”, curta-metragem, ficção de Luiz Augusto de Lima Gomes ME; e “Lana”, obra seriada, animação de Sérgio José de Andrade.

Contemplados pela Manauscult venceram: “O Primeiro Jantar”, curta-metragem, animação da Amazônia Vídeo Produções Ltda; e “Gentil”, curta-metragem, documentário da Rizoma Produção A. Ltda ME.

Os projetos que foram contemplados pelo financiamento da Manauscult obedecerão às regras estabelecidas no Termo de Concessão de Apoio Financeiro a ser firmado entre o proponente e a Fundação.

Já os do FSA obedecerão às normas do Fundo para contratação de investimentos, seguindo o Regulamento Geral do Programa de Apoio ao Audiovisual Brasileiro (Prodav). Os valores individuais são de R$ 100 mil e R$ 150 mil, de acordo com o projeto.

Os proponentes contemplados no Edital Concurso Prêmio Manaus de Audiovisual 2016 financiados pela Manauscult, além de concluírem seu projeto, deverão oferecer à fundação duas oficinas gratuitas como contrapartida.

Já os do FSA deverão obedecer aos critérios disponíveis no Anexo IV do Edital, que dispõe sobre os Parâmetros para a Contratação com o FSA.

Texto: Mônica Figueiredo

Deixe uma resposta

X