Professores promovem visita guiada à Praça Dom Pedro II nesta quarta-feira

Foto: Ingrid Anne / Manauscult 10ª Primavera dos Museus

Protagonista dos principais acontecimentos históricos nos períodos Pré-Colonial, Provincial, Republicano e Contemporâneo, a Praça Dom Pedro II, onde está localizado o Paço da Liberdade, será cenário para uma visita guiada, nesta quarta-feira, 21.

A iniciativa integra a programação da 10ª Primavera dos Museus promovida nacionalmente pelo Instituto Brasileiro de Museus (Ibram) com o apoio local da Fundação Municipal de Cultura, Turismo e Eventos (Manauscult).

A visita será monitorada pelos professores Evany Nascimento e Leonardo Novellino e ocorrerá das 8h até às 10h. A praça está localizada no entorno do Paço da Liberdade, na Avenida Sete de Setembro, s/n, Centro.

Hoje conhecida pelo nome do segundo imperador do Brasil, a praça já foi chamada de “Pelourinho” devido a sua utilização para punição de escravos “criminosos” julgados com penas leves.

Conforme a história, eles eram amarrados em uma coluna de madeira expostos e submetidos a açoites. Com o passar do tempo e as mudanças ocorridas na sociedade manauense, o espaço ficou esquecido pelos habitantes e autoridades.

Durante os períodos históricos seguintes, a praça obteve vários nomes como Largo da Casa Forte, Largo de Pedro Segundo, Largo da Aclamação ou da Câmara – este foi homenagem à cidade quando passou a ser chamada de Manaus – Praça Nove de Novembro, Largo da Trincheira e Largo da Fortaleza, estes dois últimos em comemoração pela adesão do Amazonas a Independência do Brasil.

Hoje, o espaço cultural é referência arquitetônica e arqueológica para pesquisadores e tornou-se patrimônio histórico do município de Manaus com a Lei n°656 de 26 de maio de 1956, juntamente com o Paço da Liberdade.

Primavera

Com o tema “Museu, Memória e Economia”, o evento conta com o apoio local, entre outros órgãos, da Manauscult. Além da visitação na praça, a “Primavera dos Museus” está com programação no Paço da Liberdade, Museu Amazônico da Universidade Federal do Amazonas (Ufam), Museu da Amazônia (Musa) e Museu da Rede Amazônica.

PROGRAMAÇÃO PAÇO DA LIBERDADE

19/09/2016 – 15h às 16h30

PALESTRA – Palestra com a Professora Evany Nascimento sobre o seu livro ”Monumentos Públicos do Centro Histórico de Manaus”. Local: Café Teatro – Av. Sete de Setembro, 377, Centro Histórico.

21/09/2016 – 08h às 10h

VISITA MONITORADA – Visita ao Complexo Turístico e Histórico da Praça Dom Pedro ll, incluindo o Paco da Liberdade e seu entorno. Com os Professores Evany Nascimento e Leonardo Novellino. Local: Em frente ao Paco da Liberdade. Rua Gabriel Salgado s/n, Centro Histórico de Manaus.

23/09/2016 – 15h às 16h30

PALESTRA – Palestra ”Os Falsos Mármores de Manaus ”com o Artista Oscar Ramos e o Arquiteto Humberto Barata; Local: Café Teatro – Av. Sete de Setembro, 377, Centro Histórico de Manaus

Contato para entrevista: Leonardo Novellino [email protected] Tel:(92) 3622-4991  (92) 988224497

PROGRAMAÇÃO GERAL

MUSEU AMAZÔNICO DA UNIVERSIDADE FEDERAL DO AMAZONAS

RUA RAMOS FERREIRA, , 1036 – CENTRO
[email protected]
(92) 3305-1181

19/09/2016 – 09:00 às 11:30 
OFICINA – Fazendo arte com papel. Busca instrumentalizar os participantes com informações e técnicas para aproveitamento de papéis reciclados para construção de objetos artísticos. Resp.: Paulo Simonet.
Local: Centro de Artes da UFAM – CAUA. Rua Monsenhor Coutinho, 724. Centro.

19/09/2016 – 14:30 às 15:30 
SHOW MUSICAL – Banda do CAUA. Repertório de músicas de compositores amazônicos e nacionais. Resp.: Paulo Simonetti.
Local: Centro de Artes da UFAM – CAUA. Rua Monsenhor Coutinho, 724. Centro.

19/09/2016 – 15:30 às 16:30 
VISITA MONITORADA – Os participantes farão uma visita monitorada na Galeria do Centro de Artes da UFAM (CAUA) para conhecer os trabalhos do artista plástico Jair Jacqmont. Resp: Paulo Simonetti.
Local: Centro de Artes da UFAM – CAUA. Rua Monsenhor Coutinho, 724. Centro.

20/09/2016 – 08:00 às 11:00 
AÇÃO EDUCATIVA – Museu, memória e divulgação científica para a sustentabilidade. Divulgação científica para uma cultura sustentável. Resp: Alexandra Nascimento de Andrade, Carolina Gonçalves Brandão. Púb: crianças.

21/09/2016 – 08:00 às 11:00 
AÇÃO EDUCATIVA – “Museu: Cultura da Economia da Energia”. Atividades de divulgação cientifica sobre a economia da luz. Resp: Elder Tânio e Carolina Gonçalves Brandão. Público-alvo: ensino fundamental e médio.

21/09/2016 – 15:00 às 17:00 
TEATRO – Óbvio Voraz: peça teatral que tem como foco a preservação do meio ambiente e a importância da consciência dos fazeres de sustentabilidade. Resp: Verônica Gomes e James Araújo. Público: livre.
Local: Centro de Artes da UFAM – CAUARua Monsenhor Coutinho, nº 724 Centro

22/09/2016 – 08:00 às 11:00 
AÇÃO EDUCATIVA – Museu: memória para a cultura científica. Atividade de divulgação científica sobre a importância dos museus para a ciência. Resp: Regina Vasconcelos e Carolina Gonçalves Brandão. Público: Superior.

23/09/2016 – 09:00 às 11:30 
OFICINA – Mosaico com papel. Constitui-se no conjunto de informações e técnicas para o aproveitamento de papel reciclado para construção de mosaico. Resp.: Paulo Simonetti
Local: Centro de Artes da UFAM – CAUA. Rua Monsenhor Coutinho, 724. Centro.

23/09/2016 – 14:30 às 15:30 
SHOW MUSICAL – Banda Puxirum. Repertório: músicas da cultura indígena de compositores amazônicos. Resp.: Paulo Simonetti.
Local: Centro de Artes da UFAM – CAUA. Rua Monsenhor Coutinho, 724. Centro.

23/09/2016 – 15:30 às 16:30 
VISITA MONITORADA – Os participantes farão uma visita monitorada na Galeria do Centro de Artes da UFAM (CAUA) para conhecer os trabalhos do artista plástico Jair Jaqmont. Resp.: Paulo Simonetti.
Local: Centro de Artes da UFAM – CAUA

MUSEU DA AMAZÔNIA

AVENIDA MARGARITA, S/Nº MUSA – CIDADE DE DEUS
[email protected]
(92) 3582-3188 (92) 9928-09059

19/09/2016 – 10:30 às 11:30 
OFICINA – Laboratório experimental de serpentes. Com o acompanhamento de guias os visitantes conhecerão características e comportamentos de cobras da região amazônica, peçonhentas ou não.

20/09/2016 – 10:30 às 11:30 
EXPOSIÇÃO – Peixe e gente das práticas e armadilhas de pesca do povo do Alto Rio Negro. Visita monitorada contando como lá se entende o manejar do mundo e se pensam suas origens.

22/09/2016 – 10:30 às 11:30 
OFICINA – Descobrindo o mundo das cigarras engenheiras, construtoras de torres pelo solo do Musa. As cigarras cantam até explodir? Como é seu ciclo de vida? Essas e outras curiosidades discutidas com um guia.

23/09/2016 – 10:30 às 11:30 
VISITA MONITORADA – Trilhas apresentando um novo olhar sobre a floresta primária de terra firme e sua biodiversidade. Encontro com árvores centenárias como o Angelim-pedra, percepção de odores, como o do Breu-branco etc.

24/09/2016 – 10:30 às 11:30 
VISITA MONITORADA – A Amazônia possui a maior diversidade de espécies de peixes de água doce do mundo. A interação com a cultura indígena, ribeirinha e científica mostra a importância desses animais na vida Amazônica.

25/09/2016 – 10:30 
OFICINA – Trilha das aranhas. As aranhas estão entre os organismos animais mais numerosos na floresta, têm técnicas fascinantes de captura de presas. A grande maioria é inofensiva e importante para o ambiente.

MUSEU DA REDE AMAZÔNICA

PRAÇA FRANCISCO PEREIRA DA SILVA , 149 – CRESPO
[email protected]
(92) 3216-3084

Texto: Milena Soares

Comentários

Deixe uma resposta

Mostrar botões
Esconder botões
X