No Passo a Paço, visitantes conhecem ações do Fundo Manaus Solidária

Foto: Karla Vieira/Fundo Manaus Solidária

O Fundo Manaus Solidária (FMS) deu início, no último fim de semana, ao cadastro de voluntários para suas futuras ações. Aproveitando a realização da 4ª edição do Passo a Paço, projeto da Prefeitura de Manaus que visa à valorização do Centro Histórico, servidores do órgão receberam em um stand visitantes com o repasse de informações sobre a atuação do Fundo.

O stand foi instalado na praça Dom Pedro II. Durante o sábado, 12, e o domingo, 13, foram feitos mais de 100 cadastros de voluntários. A primeira-dama de Manaus e presidente do Fundo Manaus Solidária, Elisabeth Valeiko, explicou que a ideia é ensinar um pouco mais sobre educação solidária, onde além de recursos financeiros são bem-vindos o amor, o tempo, a generosidade e os gestos de carinho e atenção.

“Se tem a ideia de que para ser solidário é preciso, necessariamente, doar dinheiro, mas nós queremos mostrar que a solidariedade vai além disso. É claro que para algumas ações nós vamos precisar de recursos financeiros, mas em outras, vamos precisar também de recursos humanos e é isso que queremos mostrar para as pessoas. Quem sabe costurar, cortar cabelo, fazer uma leitura ou gosta de conversar também é convidado a participar conosco. Nossa missão é integrar as secretarias já existentes na estrutura municipal e, além disso, motivar a população ao protagonismo cidadão”, enfatizou.

O estudante de enfermagem Vitor Hugo Borges, 21, foi um dos que esteve no stand, conhecendo o trabalho do Fundo. Presidente de uma liga estudantil na faculdade em que estuda, Vitor Hugo disse que a iniciativa do FMS é algo inovador e que fará a diferença na vida de quem precisa de ajuda e também na vida de quem quer ajudar, mas não sabe como.

“Eu e outros estudantes tínhamos tido a ideia de fazer trabalhos voluntários na área de saúde, já que todos somos estudantes de fisioterapia, enfermagem e de outras áreas da saúde e ainda não tínhamos definido como poderíamos ajudar. Agora, o FMS nos abre um leque de possibilidades e nos faz ver que pode haver essa intermediação entre quem precisa e quem pode ajudar de alguma forma. A Prefeitura de Manaus teve uma ideia muito boa e eu estou muito feliz em poder ser mais um voluntário nessa grande mobilização em nossa cidade”, afirmou.

Pelo stand passaram, além da população em geral, que aproveitou para fazer fotos no painel composto por palavras como bondade; fazer o bem; solidariedade; amor; amizade e outras, o prefeito de Manaus, Arthur Virgílio Neto, o vice-prefeito, Marcos Rotta, a esposa dele, Tecla Caddah, a ex-BBB, Vivian Amorin, a atriz Cristiane Machado, o chef de cozinha, Claude Troisgros e seu fiel escudeiro, Batista. Mais informações sobre o Fundo Manaus Solidária podem ser obtidas no endereço: www. manaussolidaria.org.


Michele Gouvêa

X