José Aldo visitará estande de Manaus no Rock in Rio

Foto: Divulgação

O lutador de MMA José Aldo confirmou presença no estande “Manaus: Maloca Urbana”, montado na Cidade do Rock, no Rock in Rio. O lutador, que é natural de Manaus e atualmente reside no Rio de Janeiro, visitará o espaço promocional do destino turístico Manaus na quinta-feira, 21/9, às 18h30. No primeiro fim de semana do Rock in Rio, a cantora manauara Lorena Simpson, que possui uma sólida carreira na cena nacional da house music, também esteve no espaço compartilhando a experiência com seus fãs que estavam no festival.

Aldo, uma das principais personalidades manauaras e com carreira internacional no MMA, deverá visitar e conhecer o estande que revela um pedaço da Amazônia dentro de um dos maiores festivais de música do planeta. Manaus é a única prefeitura convidada pela organização do Rock in Rio a estar presente no evento. Como parceira institucional do projeto socioambiental Amazonia Live, a capital do Amazonas apresenta nos sete dias de evento o potencial turístico da cidade, que mantém 97% da floresta preservada.

“Este é um projeto inovador de promoção turística pela experiência sensorial individual e por atividades lúdicas como uma instalação de arte contemporânea, que mostra a nossa diversidade e pluralidade”, afirmou o diretor-presidente da Fundação Municipal de Cultura, Turismo e Eventos (Manauscult), Bernardo Monteiro de Paula.

Durante o primeiro fim de semana do Rock in Rio, mais de 18 mil pessoas passaram pelo estande de Manaus. Com destaque em guias especializados sobre o evento, o estande tem como objetivo promover a cidade de Manaus como destino turístico. O espaço é ambientado com plantas naturais, cascatas de água e projeções de imagens, fazendo com que o público possa interagir de maneira única com o espaço, em uma experiência que mescla a natureza e o urbano.

Segundo o Diretor de Projetos da Manauscult, Marcelo Borborema, questões de consciência social e ambiental foram pensadas no desenho universal do espaço, na tradução em Libras e audiodescrição e também na escolha de materiais promocionais e de construção, todos com base no conceito de reaproveitamento posterior.

O estande ainda conta com uma intervenção sonora pelo DJ Marcos Tubarão, que é premiado como autor de trilhas de curta-metragem, além de produtor cultural. Dentre as atividades desenvolvidas, há as tatuagens tribais, feitas a partir de grafismo indígenas, com extrato de jenipapo, de autoria dos artistas Fabiano Barros e Afrânio Pires, que estão entre o sucesso do Rock in Rio, sendo destaque, inclusive, na imprensa nacional.

Outro sucesso de público é o jogo da roleta em que os visitantes são desafiados a dançar a coreografia da música “Tic Tic Tac”, da banda Carrapicho. O espaço reabrirá ao público do festival nesta quinta-feira, 21/9 e fica até 24/9, quando encerra o festival.

Manaus no Rock in Rio 1° dia

No palco

Também no dia 21, às 16h, se apresenta no Rock in Rio a banda amazonense Tudo Pelos Ares. Disputando com outras 17 bandas locais na Seleção Pop Rock Manaus, promovida pela Prefeitura de Manaus, a banda foi a vencedora e ganhou um show na cidade do Rock.

Com 20 anos de estrada, a Tudo pelos Ares é formada por Eduardo Molotievscki (voz e guitarra), Marcelo Lima (voz e contra-baixo), Marcelo Neves (voz e guitarra) e Rubem Junior (voz e bateria), e levará ao Rock District seu classic rock crítico e irreverente. O mesmo palco receberá artistas como Dinho Ouro Preto, Rogério Flausino e Wilson Sideral, durante os dias de programação.


Mônica Figueiredo
Equipe Viva Manaus

Comentários
Mostrar botões
Esconder botões
X