Foto: Divulgação/Instituto Mamirauá Instituto de Desenvolvimento Sustentável Mamirauá (IDSM),

A partir da próxima segunda-feira, 9/10, o Café Teatro abre espaço para o encontro “Diálogos em Educação Ambiental Comunitária”. O evento acontece até quarta-feira, 11/10, e busca promover intercâmbio entre profissionais, estudantes e professores sobre o desenvolvimento sustentável em áreas comunitárias.

O encontro, realizado pelo Instituto de Desenvolvimento Sustentável Mamirauá (IDSM), com o apoio da Fundação Municipal de Cultura, Turismo e Eventos (Manauscult), acontece no Les Artistes Café Teatro, na Avenida Sete de Setembro, 377, Centro.

A programação começa às 9h, com uma roda de conversa, para participantes já inscritos, em que técnicos de educação ambiental do IDSM debaterão sobre os trabalhos realizados nos municípios do Amazonas. Ao todo, são seis temas da roda de conversa, com dois debates a cada dia. Os participantes ganharão certificado.

Gratuito e aberto ao público, o encontro inclui exposições das atividades promovidas pelo Instituto, com livros didáticos, jogos interativos e digitais, mostras com tablets para interação do público e a venda do livro “Protagonistas: relatos de conservação do oeste da Amazônia”, o mais novo exemplar do seu acervo.

A equipe do ISDM trabalha há mais de 20 anos com educação ambiental nas comunidades ribeirinhas do Médio Solimões, no Amazonas. Esta é a primeira vez que o Instituto traz a Manaus esta atividade.

Para o técnico de educação ambiental Claudioney Guimarães, que integra a equipe do IDSM desde 2013, esse encontro promoverá a aliança entre as pessoas e a causa sustentável nas comunidades.

“Partilhar nossa experiência com o público manauara sobre a sustentabilidade nas comunidades é mostrar para as grandes metrópoles a possibilidade de valorizar o meio ambiente. Queremos promover a reflexão do nosso protagonismo na educação ambiental, e incentivar através dessa troca de experiências a autocrítica sobre nosso cuidado com a região amazônica”, ressaltou.

A programação completa está disponível no site do Instituto Mamirauá.


Jhonata Marques
Equipe Viva Manaus

Comentários
Mostrar botões
Esconder botões
X