De forma inédita, “Rival Rebolado” será encenado hoje

Foto: Ricardo Oliveira/Semcom

Na manhã de hoje 23/10, a atriz Leandra Leal, o diretor Fabiano de Freitas e o elenco base do espetáculo “Rival Rebolado” participaram da inauguração do Cine Casarão, cinema que entra em atividade no Centro de Manaus, e falaram sobre a experiência de apresentar o teatro de revista pela primeira vez fora do Teatro Rival, o teatro privado mais antigo do Brasil, localizado no tradicional bairro da Cinelândia, no Rio de Janeiro.

Nesta segunda, 23, e terça-feira, 24, o Les Artistes Café Teatro recebe o espetáculo teatral “Rival Rebolado”, integrando a programação do aniversário de 348 anos da cidade Manaus. Leandra Leal, que também assina a direção do espetáculo, que está em sua terceira temporada, disse que está sendo uma experiência nova levar a apresentação para fora do Teatro Rival.

“Primeiro é uma honra estar em Manaus comemorando o aniversário da cidade com ‘Rival Rebolado’. Esta é a primeira vez que apresentamos o ‘Rival Rebolado’ fora do Rival. Isso tudo está sendo novo para gente, mas ao mesmo tempo uma experiência enriquecedora. Fico feliz por esse evento ser aliado com tudo que a gente pensa”, comentou.

Fabiano de Freitas contou que a história do espetáculo que será encenado em Manaus está ligada diretamente ao Teatro Rival, que resgata um gênero que é totalmente brasileiro, o Teatro de Revista, e que foi bastante rejeitado pelo grande teatro incluído nas categorias belas artes.

“Esse é o teatro que dá espaços para vozes, que sempre foi popular; várias pessoas tiveram vozes dentro do Teatro de Revista, principalmente as transformistas e as travestis. A proposta do espetáculo é trazer o teatro de revista para o palco com um olhar contemporâneo”, contou.

Serão quatro sessões gratuitas, na segunda-feira, 23/10, às 19h e 23h, e na terça, 24/10, às 17h e 21h.

Manaus 348 anos

O diretor-presidente da Manauscult, Bernardo Monteiro de Paula, acompanhou o elenco de “Rival Rebolado” na coletiva e falou sobre a programação que comemora o aniversário de 348 anos de Manaus.

“Temos hoje e amanhã o Boi Manaus, na Ponta Negra; exposições no Paço da Liberdade e debates na Academia Amazonense de Letras, além de ‘Rival Rebolado’. Tudo isso para comemorar a nossa cidade. Nossos últimos eventos têm feito Manaus ganhar projeção nacional. Hoje, desejamos mostrar para o Brasil que Manaus tem boi-bumbá, tem exposição, teatro, e recebe grandes espetáculos, como o ‘Rival’”, comentou. A programação completa está disponível aqui no site.

O presidente do Conselho Municipal de Cultura (Concultura), o escritor Márcio Souza, apresentou a programação do “Manaus em Debate”, circuito de palestras que ocorrerá no dia 25/10, na Academia Amazonense de Letras, e falou sobre a contribuição que “Rival Rebolado” agrega para agenda cultural da cidade.

“Primeiramente, gostaria de dizer que é uma alegria recebermos artistas do ‘Rival Rebolado’ em Manaus, porque este teatro é o que mais lutou para se manter aberto cultivando esse teatro genuinamente brasileiro que é o rebolado, e apresentar esse gênero em Manaus é maravilhoso. Quanto a nossa programação, no dia 25, vamos realizar o “Manaus em Debate”, que fará análises sociais e políticas em discussões com a sociedade”, comentou. A programação completa pode ser consultada aqui.

Rival Rebolado

O espetáculo é idealizado por Alê Youssef, Leandra Leal e Luis Lobianco. “Rival Rebolado” já está na sua terceira temporada de sucesso e já homenageou grandes estrelas da noite, como Rogéria, Divina Valéria, Jane Di Castro, Lorna Washington e drag queens das gerações mais recentes, como Suzy Brasil.

Assinam a direção artística do espetáculo o diretor teatral Fabiano de Freitas, Dadado, e a burlesca Isabel Chavarri. O projeto se propõe a manter a chama do desbunde, da vanguarda e da transgressão acesas na Cinelândia, recriando um teatro de revista moderno, através de um material vivo, em constante transformação.

O projeto coloca em foco um dos temas mais relevantes da contemporaneidade, como a questão da diversidade. Na sua atual temporada em circulação, o espetáculo está ainda mais conectado à tradição do teatro de revista, levando à cena pela linguagem do humor, do burlesco e do improviso, os acontecimentos atuais que marcam a cidade, o país e o mundo.

O Café Teatro está localizado na Av. Sete de Setembro, 377, no Centro, e é administrado pela Fundação Municipal de Cultura, Turismo e Eventos (Manauscult).

Cine Casarão

Após 15 anos, o Centro de Manaus volta a possuir uma sala de cinema. Sob comando do produtor cultural João Fernandes, hoje foi inaugurado o Cine Casarão, localizado na Rua Barroso. A atriz Leandra Leal inaugurou a sala , que exibiu o filme “Divinas Divas”, obra produzida e dirigida pela atriz.

As sessões serão abertas ao público a partir desta quarta-feira, 25, e terá em cartaz produções brasileiras e alternativas. Os ingressos custam R$ 10 (inteira) e R$ 5 (meia).


Mônica Figueiredo
Equipe Viva Manaus

X