Prefeitura adia feira e prorroga campanha de coleta de livros

Foto: Divulgação Semmas

Com o adiamento da 4ª Feira de Livros do Parque Ponte dos Bilhares para às 17h do dia 5 de maio, o prazo da campanha de coleta de livros usados para doação à população também foi prorrogado até 3 de maio, nos 28 pontos de coleta instalados pela Prefeitura de Manaus. O evento é promovido pela Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Sustentabilidade (Semmas) e tem como finalidade promover o incentivo à leitura e à prática sustentável do reaproveitamento.

A feira acontece em alusão ao Dia Nacional do Livro Infantil, comemorado em 18 de abril, e já integra o calendário oficial de eventos do Parque Ponte dos Bilhares. Este ano, a primeira-dama e presidente do Fundo Manaus Solidária, Elisabeth Valeiko Ribeiro, será a madrinha do evento.

Anteriormente, a feira estava programada para este próximo sábado, 28/4, com doações até esta quarta-feira, 25/4. A alteração de data atende a uma necessidade logística da organização do evento, que ampliou o número de pontos de coleta, de quatro para 28, a partir de parcerias firmadas com órgãos municipais e instituições de ensino.

“Ampliamos o número de pontos para aumentarmos ainda mais, no dia da feira, a oferta de livros para quem precisa. Com isso, nossas equipes precisam de mais tempo para ir buscar os volumes coletados e fazer a triagem”, explicou o secretário municipal de Meio Ambiente e Sustentabilidade, Antônio Nelson de Oliveira Júnior.

Desde o início da campanha de arrecadação, em março deste ano,  até agora, já foram arrecadados mais de 3 mil livros nos pontos de coleta. O trabalho de organização dos títulos é feito pela equipe do Departamento de Arborização e Paisagismo da Semmas, responsável pela gestão do Parque Ponte dos Bilhares. Este ano, a Prefeitura de Manaus, por meio da Semmas, recebeu o apoio de diversas secretarias municipais e instituições de ensino, o que possibilitará ampliar o quantitativo de livros doados e facilitar o acesso aos interessados em colaborar.

Caixas coletoras foram instaladas em todos os locais. Os livros podem ser doados no Fundo Manaus Solidária, Casa Civil, Instituto Municipal de Planejamento Urbano (Implurb) e Procuradoria Geral do Município (PGM), situados na sede da Prefeitura de Manaus, na Compensa. Também nas secretarias municipais de Administração (Semad), Saúde (Semsa), Educação (Semed), Juventude Esporte e Lazer (Semjel), Limpeza Pública (Semulsp), Infraestrutura (Seminf), Instituto Municipal de Engenharia e Fiscalização de Trânsito (Manaustrans), Manaus Previdência (Manausprev), Fundação Municipal de Cultura, Turismo e Eventos (Manauscult), Fundação Dr Thomas e Parque do Idoso.

Também foram instalados pontos de coleta nas faculdades Uninorte e Estácio do Amazonas. “A intenção é disponibilizar um número ainda maior de livros para a população, ampliando a rede solidária de compartilhamento de saberes e levando cada vez mais as pessoas a tomarem conhecimento da feira e dessa oportunidade em contribuir”, explica Antônio Nelson de Oliveira Júnior. Segundo ele, a expectativa é de que o índice de arrecadação supere o do ano passado, quando foram doados 4.168 livros.

Outros pontos onde também podem ser feitas doações Superintendência Municipal de Transportes Urbanos (SMTU), Casa Militar, Escola de Serviço Público Municipal e Inclusão Socioeducacional (Espi), Secretaria Municipal de Finanças, Tecnologia da Informação e Controle Interno (Semef), Secretaria Municipal de Produção e Abastecimento (Sempab) e Secretaria Municipal de Parcerias e Projetos Estratégicos (Semppe), além da sede da Semmas e dos Parques Municipais Ponte dos Bilhares, na Chapada, e Lagoa Senador Arthur Virgílio Filho, no Japiim, zona Sul.

Doação

Os livros são distribuídos gratuitamente na feira. Cada pessoa tem direito de levar para casa até cinco títulos. Este ano, o evento deverá contar com exposição de livrarias e editoras, a presença de escritores, contadores de histórias, grupos de teatro e musicais. Os interessados em doar livros podem ir aos pontos de coleta no horário comercial, de segunda a sexta-feira, das 8h às 16h.

Deixe uma resposta

X