Estudantes e profissionais lotam Workshop de Turismo

Foto: Altemar Alcântara/Semcom

Dezenas de pessoas participaram do 10º Workshop de Turismo na tarde desta quinta-feira, 24/5, no Les Artistes Café Teatro, no Centro Histórico de Manaus. O evento é realizado pela Prefeitura de Manaus, por meio da Fundação Municipal de Cultura, Turismo e Eventos (Manauscult).

Professores, alunos, especialistas, profissionais do trade turístico e interessados em geral lotaram o Café Teatro para participar do evento. O workshop teve como foco discutir estratégias de novos modelos de exploração turística, a profissionalização dos serviços locais frente ao turismo e propostas de melhoria da prestação de serviços.

“A realização desse evento leva ao acadêmico e ao público que esteve presente informações atualizadas do trade turístico, tanto de Manaus quanto do Brasil. Essa troca de informações vai ajudar na melhoria de nossos profissionais, tornando-os mais gabaritados e capacitados na cadeia produtiva do turismo”, destacou o diretor de Turismo da Manauscult, João  Araújo.

Entre os participantes que acompanharam o workshop, a estudante Ágata Gaspar, do curso de Turismo da Universidade do Estado do Amazonas (UEA), destacou que “o evento é importante porque mostra as novas tendências na área, além de incentivar as pessoas a discutir mais o assunto e mostrar novos leques para o turismólogo”.

Palestras

Com um tom motivacional, o palestrante Ícaro Pimenta iniciou a programação com o tema “Empreendedorismo e Gastronomia”, em que falou sobre suas experiências como empreendedor, mostrando também a importância da gastronomia local para o turismo. Ele também destacou a valorização e o manuseio dos produtos regionais, além do atrativo que os alimentos e condimentos exercem sobre os turistas que vêm para a região.

Já a Prof.ª Dr.ª Selma Batista discutiu a exploração do turismo em áreas urbanas, utilizando como exemplos os bairros de Manaus e seus potenciais atrativos turísticos. Selma falou sobre possíveis investimentos na área e mostrou projetos que melhorariam esse tipo de exploração.

O último a palestrar foi o diretor-presidente Fundação Estadual do Índio (FAI), Amilton Gadelha. O filósofo fez uma análise etnoturística da região, mostrando os locais onde esse modelo de turismo está sendo aplicado, além de debater o conceito de turismo em aldeias. As leis de proteção que resguarda esse modelo de turismo também foram um dos tópicos abordados.

Por fim, na mesa-redonda, o público e os palestrantes tiveram a oportunidade de trocar informações e tirar dúvidas em relação aos assuntos abordados.


David Batista
Equipe Viva Manaus

Deixe uma resposta

X