Sumaúma recebe exposição fotográfica ‘Fragmentos do Olhar’

Foto: Ana Cláudia Jatahy/Fragmentos do Olhar Fragmentos do Olhar - Ana Cláudia Jatahy

A partir deste sábado, 7/7, o Sumaúma Park Shopping recebe a mostra ‘Fragmentos do Olhar’, na Galeria Coletiva das Artes, localizada no Piso Japiim (1º andar) do centro comercial. Ao todo, estarão em exposição 20 obras das fotógrafas Ruth Jucá, Ana Cláudia Jatahy e Gisele Alfaia, com a curadoria do também fotógrafo Alex Pazuello. A entrada é gratuita.

De acordo com Pazuello, ‘Fragmentos do Olhar’ é a reunião de três artistas, três olhares e três sensações diferentes, mas que se assemelham com imagens contemporâneas de uma realidade carregada de emoções e reflexões. “Gisele, Jatahy e Ruth mostram diferentes imagens, diferentes percepções, porém elas se completam sutilmente, fazendo com que mergulhemos no universo da arte, da reflexão e, por que não dizer, da paz”, salienta ele.

As visitações podem ser feitas de segunda-feira a sábado, das 10h às 22h, e aos domingos, das 14h às 21h. A mostra ficará em cartaz até dia 2 de setembro.

Perfis

Ana Cláudia Jatahy é fotógrafa autodidata e já trabalhou como repórter fotográfica em diversos jornais regionais, como A Crítica e Correio Amazonense. Atuou na função de freelancer para Folha de São Paulo e Revista Veja. Seus registros a levaram a produzir e participar de várias exposições individuais e coletivas, dentre elas a ‘Amazônia por Ana Cláudia Jatahy’, no Salão de Arte em Nova York, em 2012, e ‘O Beijo’, no Instituto Cultural Brasil Estados Unidos (Icbeu), em 2016.

Gisele Alfaia é membro da Academia Amazonense de Letras Ciências e Artes de Manaus e iniciou como artista visual em maio de 1995, com a exposição ‘Mulheres’, utilizando técnicas de desenho em carvão e pastel sobre papel reciclado. A partir daí, participou de exposições individuais e coletivas no Amazonas, Rio de Janeiro e Porto Alegre.

Apaixonada pelo universo amazônico, seus rios, florestas, povos e costumes, a partir de 2011 tomou como forma de expressão a fotografia, como resultado de suas viagens constantes ao interior do Amazonas e Roraima. Em 29 de maio de 2015, lançou seu livro de fotografias ‘Amazônia Mágica’, no Centro Cultural Palácio de Justiça, em Manaus.

Ruth Jucá atua há 21 anos nas áreas de publicidade, arte, cultura, editorial e fotojornalismo. Suas imagens ganharam prêmios e foram publicadas em livros, jornais nacionais e internacionais, revistas e coleções particulares. Ganhou sete prêmios, dentre eles o prêmio Leica, em 2005. Fez 14 exposições individuais, em Manaus, e 14 coletivas. Recebeu homenagens no Senado Federal e Câmara dos Vereadores, em 2010; na Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam), em 2013 e na Belarte, em 2015, por sua relevante e significativa contribuição no segmento fotografia.


Com informações de assessoria

Deixe uma resposta

X