Projeto na Cidade Nova encena versão de ‘Os Saltimbancos’

Foto: Divulgação/Grupo de Artes a clássica estória dos saltimbancos

Conhecidos por sucessos como as adaptações de ‘O Auto da Compadecida’, ‘O Corcunda de Notre Dame’ e, anualmente, o ‘Concerto Maravilhoso de Natal’, o Grupo de Artes apresenta nos próximos dias 26, 28 e 29 de julho a montagem ‘A Clássica Estória dos Saltimbancos’.

O espetáculo é uma adaptação do texto ‘Os Saltimbancos’, de Chico Buarque de Holanda, que por sua vez vem de uma tradução italiana do clássico ‘Os Músicos de Bremen’, dos Irmãos Green. Ela aborda a história de quatro animais (um jumento, um cachorro, uma galinha e uma gata) que conseguem fugir de seu malvado patrão (o Barão) e resolvem encontrar na arte uma saída para suas tristezas e decepções.

A adaptação propõe o lúdico por meio da tradição da contação de ‘estórias”. Inspirando-se em contos populares, a dramaturgia é contada por crianças que se admiraram com o conto dos Saltimbancos e começam a relatar os fatos, visando provocar mudanças e retomadas de atitudes nos adultos que as escutam.

A apresentação das crianças é estruturada na espontaneidade e na liberdade infantil. Enquanto elas contam a estória, os clássicos animais se apresentam como artistas e contam também suas histórias de tristeza, desabafo e superação. A montagem propõe a contação de histórias, a personificação dos sonhos infantis e elementos circenses como colaboradores no desenrolar da dramaturgia, buscando proporcionar nos espectadores uma nostalgia dos tempos de criança e um repensar os sonhos atuais.

Quem assina a direção geral do espetáculo e algumas coreografias é o coordenador do projeto, Diogo Ramon. “Montar Saltimbancos é encenar revolução. É cantar reflexão, e é dançar pedindo libertação. Nada melhor que a provocação de nostalgia para revermos de onde viemos, o que nos tornamos e o que poderemos vir a fazer. É revisão de si próprio, é retomada de sonhos e atitudes. É uma arte a favor da sociedade”, afirma. Já a direção musical fica por conta de José Flávio, sonoplasta do projeto.

O espetáculo marca o sexto ano de atividades do projeto no bairro Cidade Nova, especificamente no Conjunto Canaranas, e o encerramento da atual coordenação de suas atividades. A apresentação é voltada a toda a família, com classificação indicativa livre.

Serviço

O quê: Espetáculo ‘A Clássica Estória dos Saltimbancos’
Quando: 26/7 (quinta) e 28/7 (sábado), às 19h30; 29/7 (domingo), às 17h e 19h30 (com pré-shows meia hora antes de cada sessão)
Onde: Centro Pastoral da Igreja Católica de Nossa Senhora da Assunção – Rua K, , Conjunto Canaranas II, Cidade Nova
Quanto: Gratuito
Classificação: Livre
Informações: (92) 99424-2875

Equipe Viva Manaus (com informações de assessoria)

Deixe uma resposta

X