Artistas de boi-bumbá devem atentar a itens do portfólio

Foto: Ingrid Anne/Manauscult Boi Manaus 2017 - Foto Ingrid Anne Manauscult

Os cantores de boi-bumbá que irão participar do processo de seleção da Prefeitura de Manaus para ocupar as três vagas abertas para o Boi Manaus 2018 têm até a segunda-feira, 8/10, para a entrega do portfólio na sede da Fundação Municipal de Cultura, Turismo e Eventos (Manauscult). No documento obrigatório, o artista terá de comprovar cinco anos de atuação como cantor de boi-bumbá.

Documentos como matérias de jornais, sites, portais e revistas, com nome do veículo e data especificados, além de redes sociais voltadas ao boi-bumbá e redes sociais dos artistas, mostrando shows, com data, horários e links, podem constar no portfólio.

Terão peso dois no processo de seleção cartas de indicação assinadas pelos presidentes dos movimentos e pelos presidentes oficiais dos bois-bumbás do Amazonas, bem como CDs ou DVDs produzidos em nome do próprio artista e certificados, diplomas de cursos, oficinas e workshop de música.

Vale ressaltar que, em decisão feita em comum acordo com a Manauscult e Comissão de Artistas do Boi Manaus, os três artistas que saíram da programação por conta da pontuação obtida ano passado não precisarão comprovar portfólio, pois estarão automaticamente inscritos.

No caso dos artistas que não residem na capital, os mesmos poderão enviar seu portfólio por um representante até o protocolo da Manauscult. Em caso de dúvidas, os candidatos podem entrar em contato com a Diretoria de Eventos, pelo telefone (92) 3236-9387.

Seleção

Com o objetivo de renovar o elenco de artistas e dar oportunidade aos novos talentos do cenário do boi-bumbá, este ano, a Prefeitura de Manaus, por meio da Manauscult, em uma decisão conjunta com a Comissão de Artistas do Boi Manaus, abriu processo de seleção que escolherá três novos artistas que integrarão a programação da mais tradicional festa de boi-bumbá de Manaus, o Boi Manaus 2018, que acontecerá nos dias 20 e 21 de outubro, no Complexo Turístico da Praia da Ponta Negra, reunindo mais de 30 nomes do boi-bumbá em dois dias de festa.

Para se candidatar a uma vaga, os cantores deverão se inscrever no processo seletivo entregando o portfólio que comprove sua experiência como artista de boi-bumbá. O documento deverá ser entregue em horário comercial, das 8h às 17h, no protocolo da Manauscult, que fica localizado na avenida André Araujo, 2.767, Aleixo.

Avaliação

Uma comissão formada por três pessoas ficará responsável por avaliar os portfólios e selecionará até 10 nomes que irão se apresentar no “Esquenta” do Boi Manaus 2018, conforme a pontuação obtida. Dois membros dessa comissão sairão da Comissão dos Artistas do Boi Manaus, atualmente composta por Leonardo Castelo, Prince do Boi e Robson Junior. O terceiro nome será um representante da Manauscult.

Esquenta

O “Esquenta” do Boi Manaus 2018 acontecerá no palco do Anfiteatro da Ponta Negra, nos dias 18 e 19 de outubro, das 18h às 23h. Os dez artistas selecionados a partir da pontuação obtida mediante portfólio terão, individualmente, 20 minutos para se apresentarem e serem avaliados por um júri composto por quatro membros. Esse júri selecionará os três novos cantores que se apresentarão nos trios do Boi Manaus.

Em 2017, pela primeira vez, os artistas que se apresentaram no Boi Manaus foram avaliados por uma comissão que julgou os critérios performance, indumentária e qualidade musical. Pelo regulamento, os últimos três artistas com menor pontuação no evento do ano passado saíram da programação, e poderão concorrer com os demais inscritos às três vagas abertas este ano. O objetivo é garantir a qualidade das apresentações, em respeito ao público que prestigia os artistas.

Em ambos os casos, tanto para seleção dos artistas que se apresentarão nos dias 20 e 21, quanto para a avaliação de quem deixará de se apresentar no ano que vem, serão avaliados critérios como performance, repertório, indumentária e técnica vocal.


Jéssica Rebello
Equipe Viva Manaus

Deixe uma resposta

X