Cauxi Eletrizado - Orlando-Júnior_La-Xunga-Produções

Faltam poucos dias para o bloco alternativo mais esperado do Carnaval. No dia 4/2, Segunda-feira Gorda, o Cauxi Eletrizado comandará a folia no pódio da Arena da Amazônia, com a bateria da Mocidade Independente de Aparecida, as bandas Alaídenegão, Cabocrioulo, Os Tucumanus e DJ Tubarão, além do grupo paraense Gang do Eletro e participações de Uaná System e Juca Culatra em 12 horas de música.

Os ingressos do segundo lote estão disponíveis por R$ 32 nas lojas ADJI (Amazonas Shopping e Manauara Shopping) e MG Surf (Grande Circular e Sumaúma) e R$ 36 no site Ingressofly.com. Na hora, os bilhetes custarão R$ 40, na bilheteria.

A programação da festa começará às 16h, com o DJ Tubarão, que também assumirá as pickups nos intervalos entre as atrações. Integrante do line-up do bloco há sete anos, Tubarão promete um set de música brasileira, com versões autorais para a ocasião. “Estou sempre pesquisando e trazendo versões exclusivas para o bloco. Nesta edição, tem samba, em diferentes estilos, maracatu e as tradicionais marchinhas”, adianta o DJ. “A cada ano, apresento novidades em releituras”.

Em seguida, às 17h, será a vez da bateria da Mocidade Independente de Aparecida, que trará desde sucessos de Wanderley Andrade até carimbó em batida de samba.

A banda anfitriã, Cauxi Eletrizado, formada pelos músicos da Alaídenegão, Cabocrioulo e Os Tucumanus, subirá ao palco às 18h e, até 20h, exibirá um repertório composto por frevo e marchinhas. “Neste ano, as versões novas serão de clássicos do Geraldo Azevedo, Tim Maia e Raça Negra e o diferencial será o Bloco Regional, com toadas de Garantido e Caprichoso em ritmo de frevo”, conta Clóvis Rodrigues, vocalista de Os Tucumanus.

O grupo Gang do Eletro fechará a noite, com apresentação a partir das 2h. O show terá a participação da cantora e compositora paraense Thais Badu, uma das grandes apostas paraense da música pop, cantando sobre temas como negritude e questões sociais.

Compondo também o time da Gang, o cantor e compositor Juca Culatra apresentará sua mistura de carimbó com eletrônico enquanto o projeto Uaná System, duo audiovisual criado em Belém, por Waldo Squash e o artista visual Luan Rodrigues, levará para a pista de dança uma viagem audiovisual, repleta de psicodelia e groove, onde a tradição de ritmos amazônicos como carimbó, siriá, lundu, cumbia, guitarrada e música eletrônica.

Serviço

O quê: Bloco Cauxi Eletrizado, com bateria da Mocidade Independente de Aparecida, Alaídenegão, Cabocrioulo, Os Tucumanus, DJ Tubarão, Gang do Eletro e participações de Uaná System e Juca Culatra
Quando: 4/3 (segunda), a partir das 16h
Onde: Arena da Amazônia – Av. Constantino Nery, 5001, Flores
Quanto: R$ 32 (segundo lote) nas lojas ADJI (Amazonas Shopping e Manauara Shopping) e MG Surf (Grande Circular e Sumaúma) e R$ 36 (segundo lote) no site. Na hora, os bilhetes custarão R$ 40, na bilheteria
Informações: 98210-2438/99126-2618/98100-3399


Com informações de assessoria