Com destaque ao Mercado Adolpho Lisboa, o Mercadão, no Centro, o jornalista Otoni Mesquita encerrou o ciclo de palestras da 17ª Semana de Museus, no Les Artistes Café Teatro, espaço cultural da Prefeitura de Manaus.

Sob olhares atentos da plateia, a apresentação propôs reflexões sobre os símbolos patrimoniais e as relíquias que estão sob as edificações atuais.

Segundo Otoni, o mercado municipal é um símbolo patrimonial a ser preservado e a história reflete a nossa identidade.

Otoni pontuou que antes de qualquer proposta, a sociedade deve pensar numa educação mais sensível e crítica e afirmou que não se deve reproduzir modelos prontos e, sim, escapar dos mesmos.

O historiador contextualizou o processo da fundação de Manaus e sua formação geográfica e econômica, assim como a história social e ordenação populacional.

Ao fim da palestra, Otoni expôs a relação do homem com a cidade e criticou os efeitos da globalização, acerca da história e tradições apagadas pela modernidade.

17ª Semana Nacional de Museus - Palestra de Otoni Mesquita


Tiago Sousa
Equipe Viva Manaus