Espetáculo "À Margem". Foto: Divulgação

Nesta sexta-feira (20), começa oficialmente a programação do X Festival Mova-se de Dança com a apresentação do espetáculo “Margem” (RJ), do coreógrafo e bailarino Tiago Oliveira. A apresentação acontece no Teatro Amazonas (Largo de São Sebastião, Centro), às 20h com entrada gratuita.

“À Margem” conta com três artistas negros em cena, cada um advindo de uma estética artística diferente: o idealizador Tiago Oliveira é oriundo da dança contemporânea; Bruno Duarte, das danças urbanas, e Jhonatta Vicente, que atua como DJ em performances sonoras e visualidades.

Fabiana Nunes, assina a direção dramatúrgica ao lado de Tiago Oliveira, a montagem aborda a questão “Como esses corpos negros, independente do caminho que cada um passou, é recebido aonde chega?”

A ficha técnica do espetáculo traz a idealização de Tiago Oliveira, Intérpretes-Coreógrafos: Bruno Duarte e Tiago Oliveira. A Sonorização e a Visualidade é assinda por Jhonatta Vicente, já a concepção e direção de dramaturgia é de responsabilidade de Fabiana Nunes e Tiago Oliveira. “A Margem” ainda conta com a produção executiva de Thiago Piquet, figurinos de Su Tonani, concepção de Luz de Vilmar Olos e fotografia e vídeo feitas por Alexandre Maia.

Intervenções

Antes da abertura oficial, o entorno do Teatro Amazonas, no Largo de São Sebastião, às 17h, serão apresentadas intervenções urbanas. A primeira montagem será “Jamais Fomos Modernos”, da Panorando Produções (AM).

Dirigido por Fabio Moura e produzido por Kelly Vanessa, “Jamais Fomos Esquecidos” é uma espetáculo de reflexão sobre a morte do passado e a relação onde existe uma corrente de sociólogos modernos que apontam como as relações humanas estão passando por um ponto de decadência. Trazendo a discussão das novas formas de relacionamentos .

MovaseZinho

A programação dedicada ao público juvenil para esta edição, acontece a partir das 16h. O “MovaseZinho” apresenta o espetáculo “A noite iluminada” (ES). Os produtores e também intérpretes da peça são o casal argentino Lucia Rezner e Esteban Bisio. Enquanto uma é dançarina, o outro é músico. Para criar o espetáculo, eles misturaram suas especialidades e vivências para desenvolver uma narrativa que divirta as crianças, mas ao mesmo tempo desenvolva seu olhar poético e pensamento crítico.

Com canções, danças, poemas e diálogos curtos contam a história de um menininho que não gostava da escuridão, de noite ele ficava em sua casa triste e sozinho, sempre rodeado de lanternas e lâmpadas. Com o surgimento da Negra, uma garota fantástica, ele consegue perder o medo da noite e descobre toda a beleza que nela habita.

Mova-se Na Rua

A disputa pelo melhor estilo de dança urbana do “Mova-se Na Rua”, começa às 17h, com 16 duplas disputando o troféu e a premiação em dinheiro, e ainda uma vaga para representar o Amazonas em um Festival de Dança, a ser definido pela coordenação do Mova-se Festival de Dança. O segundo lugar ganhará a premiação no valor de R$ 1 mil e troféu.

A batalha All Style é uma variedade da dança de rua que utiliza o improviso e se popularizou com a cultura do sound system, quando dois DJ’s disputavam nas pick-ups quem animava mais nas ruas das periferias nos EUA. Eles também assumiam o papel de MC’s, e no microfone defendiam seu som, disputando para ver quem atraía mais curiosos.

O júri para esta edição será formado por Camila Bil (SP), Bia Monteiro (RJ) e Marcelo Negrão (MG), juntos vão escolher as duplas vencedoras da “Batalha All Style”

Camila começou nas danças urbanas aos 10 anos de idade, se integrou no grupo Freestyles DS, onde conheceu o Rodstyle que desde então foi seu mentor e professor. No mesmo espaço, teve a oportunidade de começar a dar aula e coreografar o grupo Freestyles DS Girls que seguiu como PIF girls.

Já Bia é uma profissional em danças Urbanas, fez sua história desde o ano 2000, quando reconhecida como representante do Popping feminino na cidade do Rio de Janeiro, e hoje estudante de todas as danças urbanas. Elá é representante Brasileira na Cia Francesa A Part Etre, visitou vários países em grandes festivais internacionais junto a grandes companhias importantes na história do RJ Brasil.

Enquanto o mineiro Marcelo Costa (Negão) é pesquisador e dançarino de Danças Urbanas há 13 anos. Fixou residência em Jundiaí (SP) onde faz parte da Cia Kahal Experimental. Negrão é campeão da 1ª edição do programa “Se Ela Dança Eu Danço – SBT” , 1º Lugar no Festival Internacional de Hip Hop de Curitiba 2014, 1° Lugar danças urbanas conjunto sênior Festival De Dança De Joinville, em turnê com o espetáculo “Gravidade”, vencedor do Fusion Concept seletiva América do Sul

Sobre o Festival Mova-se de Dança

O “Mova-se na Rua” faz parte da programação do X Mova-se Festival de Dança: Solos, Duos e Trios e é realizado por meio da Lei de Incentivo à Cultura, com patrocínio do Banco da Amazônia e o apoio cultural do Governo do Estado do Amazonas e Prefeitura Municipal de Manaus através da Fundação Municipal de Cultura e Turismo (Manauscult), através do Prêmio Conexões Culturais 2018. A realização é do Casarão de Ideias e Cia de Ideias

Outras informações podem ser obtidas pelo telefone (92) 3633-4008.

Serviço:

“X Mova-se Festival de Dança”

Onde: Casarão de Ideias (rua Barroso, 279, Centro)

Teatro Amazonas (Largo de São Sebastião, Centro)

Quando: De 19 a 22 de setembro de 2019

Entradas: Gratuita

Classificação: verifique a classificação de cada espetáculo

 

PROGRAMAÇÃO

Sexta-feira (20/09)

Oficina

Casarão de Ideias

14h – “A dança de um corpo-bonsai”, com Zé Reis (PI)

 

Movasezinho (Categoria juvenil)

Teatro Amazonas

16h – Espetáculo “A noite iluminada” (ES)

 

Intervenções Urbanas

17h – UEA e Escadarias do Teatro Amazonas

Espetáculo “Jamais fomos modernos” (AM)

 

17h30 – Largo de São Sebastião

Batalha 2 vs 2

 

18h – Largo de São Sebastião

Abertura oficial

 

Teatro Amazonas

20h – Espetáculo “À Margem” (RJ)

 

Sábado (21/09)

Oficina

Casarão de Ideias

14h – “Música e dança na ficção Processo criativo de construção da peça ‘A noite iluminada’”, com Cia. Junco (ES)

 

Intervenções Urbanas

17h – UEA e Largo de São Sebastião

 

Batalha 2 vs 2

18h – Largo de São Sebastião

 

Espetáculo “Enlugar” (AM)

20h – Largo de São Sebastião

 

Tarja preta

Casarão de Ideias

22h – Espetáculo “Frango” (DF)

 

Domingo (22/09)

Oficina

Casarão de Ideias

15h – “Qual a importância do Krump em uma oficina?”, com Camila Bill

 

Intervenções urbanas

Largo de São Sebastião

18h – “Morte e vida (ainda) mais Severina” (SP) e “Arena”

 

Encerramento

Teatro Amazonas

19h – Espetáculo “A última luz que vi” (AM)