Pré-evento Matapi: Oficina de Formatação de Projetos Audiovisuais - Fotos: César Nogueira e Jessica Vicentini

Estão oficialmente abertas as inscrições para a 2ª edição do ‘Matapi – Mercado Audiovisual do Norte’, que acontece entre os dias 27 e 30/11, em Manaus. O evento, uma realização da Dabacuri Projetos e Produções e da Leão do Norte Consultorias e Produções Audiovisuais, terá uma agenda com quatro dias de atividades, que têm como objetivo contribuir na capacitação dos empreendedores para a realidade do mercado audiovisual, estreitar conexões entre as cadeias produtivas e promover a circulação dos produtos feitos na Região do Conne (Centro-Oeste, Norte e Nordeste) em outras janelas de exibição. As inscrições são gratuitas e já estão disponíveis no site oficial do Matapi.

Em seu segundo ano, o evento reuniu uma variada programação, que vai desde Rodadas de Negócios, Clínicas Jurídicas e Masterclasses a Consultorias, Painéis e Palestras. O Matapi acontecerá em dois locais distintos da capital amazonense, com abertura no Teatro Amazonas e atividades no Centro Cultural Palácio da Justiça, ambos no Centro de Manaus.

Entre os destaques desta edição, está um prêmio em parceria do Matapi com o Itamaraty e o Festival de Guadalajara/Talents, que será concedido ao responsável pelo melhor pitching da 2ª edição do evento. O escolhido terá a oportunidade de participar do Talent Project Market do Festival de Guadalajara, no México, e ganhará entrada direta para o programa. A premiação será entregue pelo mexicano Fernando García, que estará à frente do painel ‘Mercados audiovisuais na América Latina: pontes a se construir’.

Além do prêmio, o Matapi estará recheado de convidados nacionais e internacionais, como Diego Medeiros e Thaís Sales (Sales e Medeiros Advogados), Paula Gomes (Olhar Distribuição), Jorane Castro (CONNE), Luciana Pilon (Mov-Uol), Vânia Lima (TêmDendê Produções), Carol Misorelli (Taturana Mobilização Social), Natalia Amarante (Canal Curta), Camila Lamha (Canal Brasil), André Araujo (NordesteLab), Sandino Saraiva (Malbicho Cine) e Rachel Daisy Ellis, produtora do sucesso ‘Divino Amor’ (2019), com mais de 100 prêmios no currículo.

De acordo com o organizador Carlos Barbosa, a segunda edição do evento proporcionará aos participantes um ambiente em que possam expor e negociar seus projetos e produtos, permitindo, quem sabe, alcance internacional.

“Além disso, é essencial destacarmos o atual cenário crítico em que se encontra o audiovisual no País, com o desmonte de políticas públicas e a grande ameaça à Ancine. O Matapi é um espaço de encontro que se preocupa, mais do que nunca, com a manutenção de projetos e empresas e o crescimento do setor”, acrescentou.

Mais informações a respeito do evento podem ser conferidas nas redes sociais oficiais do Matapi – Mercado Audiovisual do Norte, no Facebook e no Instagram, ou através do e-mail [email protected].

Sobre o evento

O Matapi – Mercado Audiovisual do Norte é realizado pela Dabacuri Projetos e Produções, em parceria com a Leão do Norte Consultorias e Produções e o Ministério da Cidadania. O evento possui, também, o patrocínio do Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul (BRDE), Fundo Setorial do Audiovisual (FSA) e Agência Nacional do Cinema (Ancine), além do apoio do Sebrae-AM, Secretaria de Estado de Cultura (Sec) e Impact Hub Manaus.

Idealizado em 2017, o Matapi visa reunir diversos atores do audiovisual – sejam eles produtores independentes, programadores, criadores de conteúdo, de jogos eletrônicos e de mídias digitais, publicitários, executivos de TV, distribuidores, produtores, profissionais e prestadores de serviços do mercado audiovisual – para discutir e fomentar a cadeia produtiva do setor no Amazonas e na Região do CONNE (Centro-Oeste, Norte e Nordeste), por meio da realização de oficinas, palestras, intercâmbios e rodadas de negócios.

Programação completa

Quarta-feira (27/11), no Teatro Amazonas
19h – Cerimônia de abertura;
20h – Apresentação de Corpos Artísticos.

Quinta-feira (28/11), no Centro Cultural Palácio da Justiça
9h às 18h – Clínicas Jurídicas com Thaís Sales e Diego Medeiros, na sala Rio Tapajós;
9h às 12h30 – Consultorias de empreendedorismo em mídias digitais, contábil e fiscal, no estande Sabrae;
9h às 10h30 – Painel ‘Mercados audiovisuais na América Latina: pontes a se construir’ com Fernando García, na sala Rio Negro;
10h50 às 12h30 – Mesa sobre ações políticas de regionalização e o impacto na construção de políticas estaduais com convidados dos Estados da Região do CONNE e mediação de Daniela Fernandes (Dimas-Funceb), na sala Rio Negro;
14h às 15h30 – Mesa ‘Ultrapassando fronteiras: a coprodução no cenário latino-americano’ com Sandino Saraiva (Malbicho Cine) e Rachel Daisy Ellis (Desvia) e mediação de Clemilson Farias (Matapi), na sala Rio Negro;
15h50 às 17h – Painel ‘Segurança jurídica em projetos audiovisuais: direitos autorais, contratos, Ancine e a IN 150’ com Diego Medeiros, na sala Rio Negro;
17h20 às 19h – Mesa ‘Distribuição de impacto e ações alternativas: como pensar para além dos espaços e formas tradicionais de distribuição?’ com Carol Misorelli (Taturana Mobilização) e Josi Campos (Videocamp), na sala Rio Negro. A mediação será feita, novamente, por Daniela Fernandes.

Sexta-feira (29/11), no Centro Cultural Palácio da Justiça
9h às 18h – Clínicas Jurídicas com Thaís Sales e Diego Medeiros, na sala Rio Tapajós;
9h às 12h30 – Consultorias de empreendedorismo em plano de negócios e financeiro, no estande Sebrae;
9h às 18h – Rodada de Negócios, na sala Rio Tapajós;
9h às 18h – Consultoria de projetos de ficção e documentários com potencial de acesso ao mercado internacional com Sandino Saravia, Rachel Daisy Ellis e Luis González Zaffaroni (DocMontevideo/DocSP), na sala Rio Madeira;
10h às 11h – Painel ‘O mercado de games na região Norte: case Petit Fabrik’ com Olímpio Neto (Petit Fabrik), na sala Rio Negro;
11h20 às 12h30 – Mesa ‘O mercado audiovisual e o lugar das associações e entidades nacionais: produtores como agentes protagônicos da política pública’ com Jorane Castro (CONNE) e Larissa Fulana de Tal (Apan), na sala Rio Negro. A mediação será feita por Vânia Lima (Bravi);
14h às 15h – Painel ‘Gestão de empresas criativas: planos de negócios para produtoras audiovisuais’ com Daniel Azevedo (Sebrae-AM), na sala Rio Negro;
15h20 às 17h – Mesa ‘Distribuição de impacto: o desafio da construção de audiências e da potência do cinema como ferramenta de transformação social’ com Rossana Giesteira (Giros Filmes) e Luis González Zaffaroni, na sala Rio Negro. A mesa, realizada em parceria com a Videocamp, terá mediação de Rodrigo Antonio (Matapi);
17h20 às 19h – Mesa ‘A visão das distribuidoras na formação e ampliação de públicos’ com Paula Gomes (Olhar Distribuição) e Ibirá Machado (Descoloniza Filmes) e mediação de Carol Misorelli (Taturana Mobilização), na sala Rio Negro.

Sábado (30/11), no Centro Cultural Palácio da Justiça
9h30 às 12h30 – Masterclass ‘Documentário de impacto: criando redes e potencializando obras audiovisuais desde o desenvolvimento’ com Rossana Giesteira (Giros Filmes), na sala Rio Tapajós. A atividade é realizada em parceria com a Videocamp;
11h às 11h40 – Painel ‘O que buscam os players?’ com Luciana Pilon (Mov-Uol), na sala Rio Negro;
11h50 às 12h30 – Painel ‘O que buscam os players?’ com Luiz Eduardo Garcia (GloboNews), na sala Rio Negro;
14h às 15h30 – Mesa ‘O impacto das políticas públicas no fortalecimento do audiovisual local: amostragem e análise de dados de Belém, Manaus e Bahia’ com Rodrigo Antonio (Matapi) e André Araujo (NordesteLab) e mediação de Diego Medeiros (Sales e Medeiros Advogados);
15h50 às 17h20 – Apresentação pública dos projetos participantes das consultorias, na sala Rio Negro;
17h40 às 19h10 – Encontro de mulheres do audiovisual, na sala Rio Negro;
19h30 às 20h – Cerimônia de encerramento, na sala Rio Negro, seguida da festa de encerramento, no Curupira Mãe do Mato

Com informações de assessoria