"O Homem Que Marcha", adaptação da Espatódea Trupe para texto de Benjamin Lima - Foto: Divulgação

No próximo domingo, 26/1, às 17h, a Academia Amazonense de Letras, Centro, será palco de mais um espetáculo teatral. A Companhia Espatódea Trupe encena a peça “O Homem Que Marcha”, baseada em texto original do acadêmico Benjamin Lima, em uma apresentação gratuita.

Para compor a programação da Mostra de Teatro dos Imortais, a Academia Amazonense de Letras, com o apoio do Governo do Estado do Amazonas, tornou público, para conhecimento dos interessados, o recebimento de propostas cujo objeto consistia na produção e montagem dos textos teatrais “O Homem Que Marcha”, de Benjamin Lima, e “A Feiticeira Maravilhosa”, de Elson Farias.

A Espatódea Trupe ficou responsável pelo texto de Benjamin Lima, uma farsa em três atos vividos por Henrique, Ramiro e Conrado, protagonistas de uma história em que o marido enganado arquiteta uma forma de se vingar.

O espetáculo será encenado em linguagem naturalista, com estudo do método (Stanislavski). A adaptação será feita de modo a não perder a essência do autor, respeitando a poesia presente em sua dramaturgia e explorando ao máximo cada personagem e suas características.

Para o presidente da Academia, Robério Braga, as obras são clássicos inéditos que merecem conhecimento popular.

“São textos produzidos por imortais que nunca tiveram adaptação teatral e agora poderão chegar a conhecimento do público. Esta casa está aberta para as artes, e o teatro é uma que muito combina com o nosso salão, já que originalmente aqui foi o Teatro do Instituto Benjamin Constant, quando este ainda pertencia à ordem religiosa. É um resgate histórico para o prédio, para os imortais e para o público”, afirmou.

Com informações de assessoria