Contrabaixista Mauro Lima - Foto: Andreas Dominique/Divulgação

O contrabaixista e produtor musical Mauro Lima lançou nesta segunda, 28/12, o segundo episódio da “Iniciação ao Contrabaixo”. O projeto tem o apoio do Governo Federal e da Prefeitura de Manaus, por meio do Edital Prêmio Manaus de Conexões Culturais – Lei Aldir Blanc. O vídeo está disponível gratuitamente no canal do Youtube da Vila Vagalume, e está acompanhado de material didático para download.

Artista atuante no cenário musical manauara, integrando as bandas Gramophone, Alderia, Alaidenegão, Mauro Lima é residente na Casa Criativa Vila Vagalume 80, onde trabalha dando aulas de instrumentos, entre eles, o contrabaixo. Com o advento da pandemia e com todas as medidas de restrição para conter o avanço de contágio, o músico teve a ideia de disponibilizar o material online e assim se manter produtivo e despertar o amor não só pelo instrumento como pela música, contribuindo com o desenvolvimento e profissionalização musical e cultural das pessoas e democratizando o ensino em música.

“A democratização do conhecimento sobre qualquer instrumento deveria ser direito de todos. É uma ferramenta poderosa, capaz de ser muito mais que uma simples forma de lazer. Porém, apenas uma parcela da população consegue ter acesso a isso. O aprendizado de um instrumento pode reconfortar minimamente a passagem desse momento tão sombrio que estamos vivendo devido a pandemia do Covid-19 em todo o mundo, ajuda a aliviar a mente, a pensar melhor e a trazer um pouco mais de alegria e paz para vida”, declara Mauro.

Neste segundo episódio, Mauro faz a introdução à teoria musical aplicada ao contrabaixo como pauta, clave, noções de ritmo e repertório, além de apresentar as partes que compõem o contrabaixo, a sua utilização e as técnicas primordiais para o aprendizado. O artista acredita que o conteúdo tanto do primeiro vídeo (lançado no dia 18/12) quanto este proporcionará uma base nos primeiros passos do espectador.

Vila Vagalume

Espaço de construção coletiva desenvolvido pelos artistas Vívian Gramophone, Mauro Lima, Ramon Marola, Andreas Dominique, Marcela Paiva, Grace Anne e Victor Félix Liotto, a casa está centrada na zona Oeste, na Avenida Padre Agostinho Caballero Martin, 234, São Raimundo, em frente ao Rio Negro, reunindo cultura regional e arte culinária vegetariana. As atividades realizadas têm fomentado um espaço plural que conta com a parceria de artistas locais, que passam a ter mais consolidação de suas carreiras, visibilidade e estrutura para seus projetos. Como resultado, a Casa ganhou destaque dentre os espaços culturais de Manaus por apoiar e difundir a cultura local.

A Vila Vagalume pretende ser um útero artístico ao auxiliar seus artistas integrados na oportunidade de divulgação de seus trabalhos. A vila também tem a intenção de ser um centro de reflexão social, de formação e de práticas pedagógicas destinadas ao favorecimento e benefício da comunidade próxima do bairro de São Raimundo, propiciando uma transformação ao integrar as pessoas em suas vivências cotidianas na produção cultural única e regional da cidade de Manaus.

Com informações de assessoria