Centro Cultural Óscar Ramos

Centro Cultural Óscar Ramos – Foto: Leonardo Leão/Manauscult

Onde: Casas 69 e 77 – Rua Bernardo Ramos, Centro Histórico (ao lado do Museu da Cidade de Manaus)
Quando: Visitação de segunda a sexta, das 9h às 14h – Em virtude da Covid-19, a quantidade de visitantes no espaço é limitada a 5 pessoas via agendamento disponível no link abaixo:

AGENDAMENTO 

Quanto: Entrada gratuita

Protocolos de segurança:

  1. O agendamento é obrigatório, e  só será permitida a permanência de até 5 visitantes simultaneamente no Centro Cultural;
  2. O uso de máscaras e o distanciamento social deverão ser respeitados durante todo o tempo de permanência no Centro Cultural;
  3. Leve sua própria garrafa de água. Nossos bebedouros estão temporariamente indisponíveis;
  4. O Centro Cultural não conta com guarda-volumes nesse momento de reabertura. Portanto, antes de vir, lembre-se que não é permitida a entrada na nossa exposição com malas, mochilas e sacolas.

História

No aniversário de 350 anos da cidade de Manaus, celebrado no dia 24 de outubro de 2019, o artista amazonense Óscar Ramos, um dos principais nomes da cultura contemporânea no país, foi eternizado ao ganhar um espaço cultural em sua homenagem: o Centro Cultural Óscar Ramos. O espaço fica instalado em duas das casas consideradas mais antigas da capital, de número 69 e 77, na rua Bernardo Ramos, Centro Histórico de Manaus, que foram totalmente restauradas pela Prefeitura para abrigar o acervo de Óscar.

Construídas em 1819, as casinhas, feitas à base de taipa – barro e madeira – e pedra, figuram entre as primeiras moradias de Manaus e carregam em sua arquitetura uma parte da história da cidade, do período colonial. O minimuseu conta com curadoria do artista José Cardoso, vice-presidente da Fundação Municipal de Cultura, Turismo e Eventos (Manauscult), e direção artística do multiartista Sérgio Cardoso.

A Casa 69 abriga a exposição permanente do Óscar Ramos. Obras como pintura, escritos, figurinos, produções, desenhos de moda do artista, objetos pessoais como mobílias utilizadas por Óscar, capas de LPs, estão entre os artigos e objetos expostos no local. Já a Casa 77 sedia exposições temporárias de artistas como Óscar Ramos, com quadros que nunca foram expostos de Óscar, entre outros materiais.

Inauguração do Centro Cultural Óscar Ramos - casas 69 / 77, lançamento dos Prêmios Literários 2019 e apresentação do Hino de Manaus